Existe associação entre comportamento alimentar, estado nutricional e tempo de prática de Zumba fitness?

Ana Maria dos Santos, Diana Souza Santos Vaz, Caryna Eurich Mazur

Resumo


Introdução: A mudança para um estilo de vida saudável, pode ocorrer de diferentes maneiras, mas é principalmente caracterizada pela alteração de hábitos alimentares e pela adoção da prática regular de atividade física. Objetivo: Identificar o perfil do estado nutricional associado aos hábitos/comportamento alimentar de um grupo de indivíduos praticantes de zumba fitness. Métodos: Estudo transversal realizado no período de setembro a outubro de 2017, com avaliação antropométrica em conjunto com a aplicação de um questionário referente ao comportamento alimentar e o histórico da prática de zumba fitness. Para as análises estatísticas, foram aplicados os testes de Shapiro Wilk, ANOVA, Kruskal-wallis e Spearman.  Resultados: Foram avaliadas 56 participantes, com idade média de 37,6 anos. Observou-se que 48% apresentaram estado nutricional de sobrepeso, 36% de obesidade e somente 16% com eutrofia. Em relação ao comportamento alimentar 28,6% apresentaram restrição cognitiva, 32,1% descontrole alimentar e 19,6% alimentação emocional. Sendo que houve diferença significativa (p<0,05) ao comparar os padrões de comportamento alimentar. Conclusão: Foi observado que o comportamento alimentar é influenciado pela idade, as mulheres mais jovens possuíam restrição cognitiva, no entanto as mais velhas apresentaram alimentação emocional.  Além disso, a grande maioria das participantes estão acima do peso, tendo como principal preocupação o grupo relacionado a alimentação emocional.

 

ABSTRACT 

There is an association between eating behaviour, nutritional status, and time of practice of zumba fitness?

Introduction: A change to a healthy lifestyle can occur in different ways, but it is essential characterized by eating habits and by adopting regular of physical activity practice. Objective: To identify the profile of the nutritional status associated with eating habits / behaviors of a group of individuals practicing Zumba fitness. Methods:  A cross-sectional study was carried out between September and October 2017, with an anthropometric evaluation in conjunction with the application of a questionnaire regarding dietary behavior and the history of zumba fitness practice. For the statistical analyzes, the tests of Shapiro Wilk, ANOVA, Kruskal-Wallis and Spearman were applied. Results: A total of 56 participants were evaluated, with a mean age of 37.6 years. It was observed that 48% presented nutritional status of overweight, 36% of obesity and only 16% with eutrophy. Regarding eating behavior, 28,6% presented cognitive restriction, 32,1% lack of food and 19,6% had emotional feeding. There was a significant difference (p<0,05) when comparing food behavior patterns. Conclusion: It was observed that the eating behavior is influenced by age, the younger women had cognitive restriction, however the older ones presented emotional feeding. In addition, the vast majority of participants are overweight, with the main concern of the group related to emotional eating.


Palavras-chave


Atividade física; Consumo alimentar; Educação alimentar e nutricional; Estado nutricional

Texto completo:

PDF

Referências


-Abreu, E. S. D.; D`Avila, L.S.P.; Nascimento, J.D.F.; Silveira, M.A.A.; Moura, F.C.D.; Soares, P.M. Hábitos nutricionais pré-treino de praticantes de ginástica do projeto de extensão PROGINIC-UECE. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol.11. Núm. 62. p.118-125. 2017. Disponível em:

-Araújo, D.S.M.S.D; Araújo, C.G.S.D. Aptidão física, saúde e qualidade de vida relacionada à saúde em adultos. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 6. Núm. 5. p.194-203. 2000.

-Bardal, A. G.; Ceccatto, V.; Mezzomo, T.R. Fatores de risco para recidiva de peso no pós-operatório tardio de cirurgia bariátrica. Scientia Médica. Vol. 26. Núm. 4. p. 1-7. 2016.

-Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Orientações para a coleta e análise de dados antropométricos em serviços de saúde: norma técnica do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional - SISVAN. Brasília-DF. Ministério da Saúde. 2011.

-Costa, W.S.D. A avaliação do estado nutricional e hábitos alimentares de alunos praticantes de atividade física de uma academia do município de São Bento do UNA-PE. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 6. Núm. 36. p.464-469. 2012.

-Esteves, J.V.D.C.; Andreato, L.V.; Moraes, S.M.F.D.; Prati, A.R.C. Estilo de vida de praticantes de atividades físicas em academias da terceira idade de Maringá-PR. Revista Conexões. Vol. 8. Núm. 1. p.119-129. 2010.

-Ferreira, J. Caracterização da intensidade de esforço de uma aula de Zumba Fitness. Curso de Atividade Física e Saúde. Faculdade de Desporto da Universidade do Porto. Dissertação de Mestrado. Porto. 2014.

-Freitas, R.G.B.D.O.N.; Saron, M. L. G. A relação entre o estado nutricional e comportamento alimentar em adolescentes de uma escola pública de Volta Redonda-RJ. Cadernos Unifoa. Vol. 6. Núm. 1. p.69-79. 2011.

-Garber, C.E.; Blissmer, B.; Deschenes, M.R.; Franklin, B.A.; Lamonte, M.J.; Lee, I.M.; Nieman, D.C.; Swain, D.P. Quantity and Quality of Exercise for Developing and Maintaining Cardiorespiratory, Musculoskeletal, and Neuromotor Fitness in Apparently Healthy Adults. Medicine & Science In Sports & Exercise. Vol. 43. Núm. 7. p.1334-1359. 2011.

-Guillain, B.D.L.; Romon, M.; Eizenman, D.M.; Heude, B.; Basdevant, A.; Charles, M.A.; Group, F.L.V.S.S. Cognitive restraint, uncontrolled eating and emotional eating: correlations between parent and adolescent. Maternal & Child Nutrition. Vol. 5. Núm. 2. p.171-178. 2009.

-Maciel, E.D.S.; Sonati, J.G.; Modeneze, D.M. Vasconcelos, J.S.; Vilarta, R. Consumo alimentar, estado nutricional e nível de atividade física em comunidade universitária brasileira. Revista de Nutrição. Vol.25. Núm. 6. p.707-718. 2012.

-Magalhães, P.; Motta, D.G.D. Uma abordagem psicossocial do estado nutricional e do comportamento alimentar de estudantes de nutrição. Revista Nutrire: Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição. São Paulo. Vol. 37. Núm. 2. p.118-132. 2012.

-Marques, J.M.D.S.; Lima, M.R.C.D. A utilização dos elementos da ginástica aeróbica como ferramenta de interlocução das diversas culturas juvenis presentes na escola. Lecturas, Educación Física y Deportes: Revista Digital. Buenos Aires. 17. Núm. 175. 2012.

-Medeiros, A.C.Q.; Yamamoto, M.E.; Pedrosa, L.F.C.; Hutz, C.S. The Brazilian version of the three-factor eating questionnaire- R21: psychometric evaluation and scoring pattern. Springer. Vol. 22. Núm. 1. p.169-175. 2017.

-Natacci, L.C.; Júnior, M.F. The Three fator eating questionnaire - R21: tradução para o português e aplicação em mulheres brasileiras. Revista de Nutrição. Vol. 24. Núm. 3. p.383-394. 2011.

-Natacci, L.C. The Three Factor Eating Questionnaire - R21 (TFEQ-R21): tradução, aplicabilidade, comparação a um questionário semiquantitativo de frequência de consumo alimentar e a parâmetros antropométricos. Curso de Fisiopatologia Experimental. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Dissertação de Mestrado. São Paulo. 2009.

-Oliveira, J.; Peruch, M.H.; Gonçalves, S.; Haas, P. Padrão hormonal feminino: menopausa e terapia de reposição. Revista Brasileira de Análises Clínicas. Rio de Janeiro. Vol. 48. Núm. 3. p. 198-210. 2016.

-Sehnem, R.C.; Soares, B.M. Avaliação nutricional de praticantes de musculação em academias de municípios do centro-sul do Paraná. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 9. Núm. 51. p.206-214. 2015. Disponível em:

-Silva, C.L.D. Consumo de frutas e hortaliças e conceito de alimentação saudável em adultos de Brasília. Pós-graduação em Ciências da Saúde, Universidade de Brasília. Dissertação de Mestrado. Brasília. 2011.

-Souza, A.P.L.D.; Pessa, R.P. Tratamento dos transtornos alimentares: fatores associados ao abandono. Jornal Brasileiro de Psiquiatria. Vol. 65. Núm. 1. p.60-67. 2016.

-Souza, M.A.A.D.; Gomes, V.C.D.S.; Silva, E.I.G.E.S.; Messias, C.M.B.D.O. incidência da síndrome do comer noturno e compulsão alimentar em estudantes de nutrição. Revista Saúde e Pesquisa. Vol.10. Núm.1. p.15-23. 2017.

-World Health Organization. Obesity: preventing and managing the global epidemic. WHO Technical Report Series. Geneva. n. 894. 1998.

-World Health Organization. The World health report 1997: conquering suffering, enriching humanity. Geneva. 1997.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui