Efeitos de treinamento de alta intensidade sobre o desempenho motor e hipertrofia cardíaca de ratos que sofreram isquemia cerebral pós treinamento

Laila Cristina Moreira Damázio, Bruna Aparecida Cândido, Ana Carolina de Oliveira Tavares, Jéssica André Vilas Boas Rios, Jonas Augusto Ramos, Karine Sthéfany Serpa Amaral Dias, Vinícius Rosa Cota, Alessandro de Oliveira

Resumo


Introdução: A hipóxia cerebral causada por isquemia gera necrose e infarto neuronal. Exercícios físicos prévios, de intensidade moderada, promovem neuroproteção e estimulam neurogênese tecidual. Objetivo: O trabalho analisou a hipertrofia cardíaca e o desempenho motor de ratos que sofreram isquemia cerebral induzida pela Oclusão Transitória Global das Artérias Carótidas Comuns (OTCC) após treinamento com exercício físico de alta intensidade por 30 dias. Materiais e Métodos: Os animais foram divididos em exercitados antes da OTCC (EI; n=8); exercitados antes da cirurgia de falsa isquemia (ES; n=8); sedentários e OTCC (SI; n=8) e sedentários com cirurgia de falsa isquemia (SS; n=8). O desempenho motor foi avaliado através do teste funcional das barras paralelas. Resultados: O desempenho motor no teste das barras paralelas após o experimento foi: SI = 10 ± 2,79; SS = 5,5 ± 0,89; EI = 13,17 ± 3,85; ES = 21,67 ± 6,53 (p<0.05). O grupo treinado apresentou 8 mortes durante ou após a OTCC e o sedentário 2 mortes, totalizando 31% de óbitos em toda a pesquisa. A relação do peso corporal/peso cardíaco do grupo SI = 252,69 ± 6,2459 (p<0.05) foi maior que no grupo EI = 213,26 ± 11,405(p<0.05). Discussão: A maior hipertrofia cardíaca no grupo treinado poderá ter aumentado o bombeamento de sangue para o cérebro durante a reperfusão e assim colaborado para maiores danos cerebrais. Conclusão: Os animais que realizaram o treinamento de alta intensidade antes da OTCC apresentaram pior desempenho motor, maior massa cardíaca e maior índice de morte em relação ao grupo sedentário. 


Palavras-chave


Isquemia; Exercício; Coração

Texto completo:

PDF

Referências


-An, G.Y.; Lee, Y.K.; Im, J.H.; Choi, S.; Choe, M.A. Effect of exercise during acute stage on hindlimb muscles of stroke induced rat. Journal of Korean Biological Nursing Science. Vol. 2. 2000. p. 9-16.

-Bandeira, C.C.A; Berni, K.C.S.; Rodrigues, B.D. Análise eletromiográfica e força do grupo muscular extensor do punho durante isquemia induzida. Revista Brasileira Fisioterapia. São Carlos. Vol. 13. Num. 1. 2009. p.31-37.

-Cassilhas, R.C.; Reis, I.T.; Venâncio, D.; Fernandes, I.; Tufik, S.; Mello, M.T. Animal model for progressive resistance exercise: a detailed description of model and its implications for basic research in exercise. Motriz. Rio Claro. Vol. 19. Num. 1. 2013. p.178-184.

-Cechetti, F. Efeito neuroprotetor de diferentes programas de exercício físico regular forçado em modelo de isquemia in vitro. Dissertação de Mestrado. UFRGS. Porto Alegre. 2007.

-Chaves, M.L.F. Acidente vascular encefálico: conceituação e fatores de risco. Revista Brasileira Hipertensão. Vol. 7. Num. 4. 2000. p.372-382.

-Choe, M.; An, G.J.; Lee, Y.K.; Im, J.H.; Choi, K.S.; Heitkemper, M. Effect of early low-intensity exercise on rat hind-limb muscles following acute ischemic stroke. Biological Research for Nursing. Vol. 7. 2006. p.163-174.

-Damázio, L.C.M.; Melo, R.T.R.; Lima, M.C.L.; Santos, H.B.; Ribeiro, R.I.M.A.; Alves, N.R.; Monteiro, B.S.; Natali, A.J.; Del Carlo, R.J.; Maldonado, I.R.S.C. Effects of exercise prior or after ischemia on the density of neurons and astrocytes in the brain of rats. American Journal of Neuroscience. Vol. 5. Num. 2. 2014. p.18-25.

-Dias, L.A.A.; Colli, B.O.; Netto, J.C.; Lachat, J.J. Avaliação da isquemia cerebral focal induzida pela oclusão da artéria cerebral média e a ação neuroprotetora do cetoprofeno em ratos. Arquivos Neuropsiquiatria. Vol. 58. Num. 4. 2000. p.1047-1054.

-Ding, Y.; Li, J.; Lai, Q.; Rafols, J.A.; Luan, X.; Clark, J.; Diaz, F.G. Motor balance and coordination functional outcome in rat with cerebral artery occlusion training enhances transient middle. Neuroscience. Vol. 123. 2004. p.667-674.

-Ding, Y.C.; Zhou, Y.D.; Lai, Q.; Li, J.; Park, H.; Diaz, F.G. Impaired motor activity and motor learning function in rat with middle cerebral artery occlusion. Behavioural Brain Research. Vol. 132. 2002. p.29-36.

-Hornberger, T.A.; Farrar, R.P. Physiological hypertrophy of the FHL muscle following 8 weeks of progressive resistance exercise in the rat. Canadian Journal of Applied Physiology Champaign. Vol. 29. 2004. p. 16-31.

-Kwak, H.B; Song, W.; Lawler, J.M. Exercise training attenuates age-induced elevation in Bax/Bcl-2 ratio, apoptosis and remodelling in the rat heart. Faseb J.Vol.20. Num. 06.2006. p.791-793.

-Leporace, G.; Metsavaht, L.; Sposito, M.M.M. Importância do treinamento da propriocepção e do controle motor na reabilitação após lesões musculoesqueléticas. Acta fisiatra. Vol. 16. Num. 3. 2009. p.126-131.

-Lim, S.H.; Lee, J.; Lee, S.; Lm, S.; Ko, Y.J.; Kim, H.W. The quantitative assessment of functional imparment and its correlation to infarct volume in rats with transient middle cerebral artery occlusion. Brain Research. Vol. 1230. 2008. p.303-309.

-Melo, S.F.S.; Amadeu, M.A.; Magalhães, F.C.; Fernandes, T.; Carmo, E.C.; Barretti, D.L.M.; Brum, P.C.; Oliveira, E.M. Exercício de força ativa a via AKT/mTor pelo receptor de angiotensina II tipo I no músculo cardíaco de ratos. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte. São Paulo. Vol. 25. Num. 3. 2011. p.377-385.

-Monteiro, R.; Monteiro, R.; Jatene, F.B.; Pazetti, R.; Correira, A.T.; Manoel, L.A.; Bernardo, W.M.; Rivero, D.H.R.F.; Oliveira, S.A. Avaliação das alterações morfológicas cardíacas secundárias ao enfisema pulmonar: estudo experimental em ratos. Revista Brasileira Cirurgia Cardiovascular. Vol. 19. Num. 4. 2004. p.341-347.

-Pena, L.F.P.; Fernandes, J.; Almeida, A.A; Novaes, F.G.G.; Cassilhas, R.; Venancio, D.P.; De Melo, M.T.; Scorza, F.A.; Cavalheiro, E.A.; Arida, R.M.A strength exercise program in rats with epilepsy is protective against seizures. Epilepsy & Behavior. Vol. 25. 2012. p.323-328.

-Pimenta, L.; Gama, E.F.; Maifrino, L.B.M.; De Souza, R.R. Effects of physical exercises on the ventricular myocardium. Brazilian Journal Morphological Science. Vol. 26. Num. 2. 2009. p.113-117.

-Reis, L.M.; Cordeiro, J.A.; Cury, P.M. Análise da prevalência de morte súbita e os fatores de riscos associados: estudo em 2.056 pacientes submetidos a necropsia. Jornal Brasileiro de Patologia Médica e Laboratorial. Vol. 42. Num. 4. 2006. p.299-303.

-Tardini, D.M.S.; Yoshida, W.B.; Novelli, E.L.B.; Sequeira, J.L. Avaliação de dois modelos experimentais de isquemia e reperfusão cerebral em ratos com oclusão temporária carotídea associada ou não à oclusão vertebral. Acta Cirúrgica Brasileira. Vol. 18. Num. 6. 2003. p.502-508.

-Yamamoto, F. I. Manual de doenças cerebrovasculares. Grupo de Estudo de Doenças Vasculares Cerebrais da Divisão de Clínica Neurológica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. São Paulo. 2010.

-Zhang, P.; Zhang, Q.; Pu, H.; Wu, Y.; Bai, Y.; Vosler, P.S.; Chen, J.; Shi, H.; Gao, Y.; Hu, Y. Very early-initiated physical rehabilitation protects against ischemic brain injury. Front Bioscience. Vol. 4. 2012. p.2476-2489.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui