Uma sessão de alongamento pode reduzir o desempenho de repetições nos membros inferiores: Um estudo randomizado

Manoel Benício Teixeira Ribeiro, Marcia Mendes Carvalho, Jonato Prestes, Jeeser Alves de Almeida, Guilherme Borges Pereira, Elaine Cristina Leite Pereira, João Luiz Quagliotti Durigan, Maria José Soares Monte

Resumo


Introdução: Os exercícios de força (EF) têm sido amplamente indicados para a melhora da aptidão e condicionamento físico de atletas e não atletas. A flexibilidade é fator chave para o aumento de eficiência do movimento. Objetivos: Verificar os efeitos do alongamento estático antes do EF executado com 10 repetições máximas (RM), utilizando os seguintes exercícios: leg press 45º, cadeira extensora e cadeira flexora. Metodologia: 24 indivíduos homens foram distribuídos aleatoriamente em dois grupos: aquecimento alongamento (AA) e aquecimento específico (AE). O AA caracterizou-se por duas séries de 30 segundos de tensão e por 30 segundos de intervalo até o limiar subjetivo de dor pelo método passivo estático. AE foi caracterizado por duas séries de 15 repetições com 50% de 10RM, realizados antes do protocolo de EF. Utilizou-se um minuto de intervalo antecedendo o início dos EF em ambos os aquecimentos. Para análise estatística foram utilizados os testes de ANOVA One Way e Test t. O nível de significância adotado neste estudo foi de P ≤0,05. Para isto foi utilizado o software SPSS® versão 17 para Windows®. Resultados:  O AA reduziu significativamente (p≤0,05) a força medida nos exercícios leg press 45º, cadeira extensora e cadeira flexora. Conclusão: O alongamento proposto exerceu influência negativa em relação as repetições máximas realizadas no teste, levando a um menor desempenho na força em uma sessão de EF. Por esta razão, indivíduos engajados no exercício de força podem optar por realizar o AA em outros momentos da sessão de treino.

 

ABSTRACT 

A session of stretching can reduce muscle strength in the lower limb: A randomized study

Introductions: The resistance training (RT) have been widely shown to improve fitness and conditioning of athletes and non-athletes. Flexibility is key to increasing efficiency of movement and can influence the localized muscle strength. Objective: The aim of this study was to investigate the effects of static stretching before muscle strength in 10 repetitions maximum (RM), using for this the following exercises: leg press 45º, leg extension and leg curl. Methodology:The sample consisted of 12 male subjects, randomly distributed into two groups, heating stretching (HS) and specific heat (SH). The HS was characterized  two sets of 30 seconds of tension and for 30 seconds between them until. passive static method. SH was characterized two sets of 15 repetitions with 50 % of 10RM load, performed before the resistance exercise protocol (RE). We used a one-minute interval preceding the onset of RE in both heating. There was the ANOVA one-way and paired t-test. The level of significance in this study was p≤0.05. For this SPSS ® version 17 software for Windows ® was used. Results: The results indicate that HS significantly (p≤0.05) the maximum force for 10 repetitions relative to the maximum force measured at 45° leg press, leg extension and leg curl. Conclusion: The proposed stretch exerted negative influence over the maximum repetitions performed the test, leading to lower performance in strength in a PE session. For this reason, individuals engaged in strength training may choose to carry the AA at other times of the training session.

Palavras-chave


Aquecimento; Alongamento Estático; Força Muscular

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui