Perfil antropométrico e somatotipológico de praticantes de musculação

  • Allan Frhanklen Lustoza Ribeiro Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
  • Hiago Augusto Zonatto Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
  • André Gonçalves de Oliveira Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
  • Marcelo Romanovicth Ribas Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
  • Júlio César Bassan Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Palavras-chave: Musculação, Antropometria, Composição corporal, Somatotipo

Resumo

A presente pesquisa teve por objetivo analisar o perfil antropométrico e somatotipológico de praticantes de musculação da cidade de Curitiba-PR. Para tanto, foram avaliados 25 praticantes de musculação, de ambos os gêneros com idades compreendidas entre 18 até 40 anos. Os alunos foram avaliados em relação à massa corporal, estatura, espessura de dobras cutâneas e diâmetros ósseos, mensurações estas realizadas em dias pré-determinados. A massa corporal para os homens apresentou valores de 83 ± 7,6 kg e para as mulheres 61 ± 5,0 kg, a estatura 175 ± 6,0 cm e 167 ± 4,7 cm para homens e mulheres, o percentual de gordura dos homens foi de 17,5 ± 4,5 % e das mulheres 25 ± 8,1 %. No que se refere ao somatotipo os homens apresentaram um predomínio mesomórfico e as mulheres endomorfico. Assim, pode-se concluir que os homens e mulheres possuem níveis moderados de percentual de gordura.

 

ABSTRACT

Anthropometric profile and somatotipológico of bodybuilders

The objective of this research was to analyze the anthropometric and somatosensory-typological profile of practicing bodybuilding of the city of Curitiba-PR. For this purpose, 25 practicing bodybuilding, of both genders aged between 18 to 40 years were evaluated. The students were evaluated in relation to body weight, height, skinfold thickness and bone diameters, these measurements performed on days pre-determined. The body mass for males presented values of 83 ± 7.6 kg and for women 61 ± 5.0 kg, height 175 ± 6.0 cm and 167 ± 4.7 cm for men and women, the percentage of fat in men was 17.5 ± 4.5% and for women 25 ± 8.1 %.  As regards to the somatotype, men showed a mesomorphic predominance and women showed a endomorphic predominance. Thus, it can be concluded that men and women have moderate levels of body fat percentage.

Biografia do Autor

Allan Frhanklen Lustoza Ribeiro, Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
Graduado em Educação Física - Laboratório de Bioquímica e Fisiologia do Exercício - Faculdade Dom Bosco, Curitiba - PR.
Hiago Augusto Zonatto, Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
Graduado em Educação Física - Laboratório de Bioquímica e Fisiologia do Exercício - Faculdade Dom Bosco, Curitiba - PR.
André Gonçalves de Oliveira, Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR
Graduando em educação física - Laboratório de bioquímica e fisiologia do exercício - Faculdade Dom Bosco, Curitiba - PR.
Marcelo Romanovicth Ribas, Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR

Professor Ms em Bioengenharia

Laboratório de Bioquímica e Fisiologia do Exercício - Faculdade Dom Bosco - Curitiba - PR.

Júlio César Bassan, Universidade Tecnológica Federal do Paraná

Professor Dr em Bioquímica e Nutrição Esportiva

Laboratório de Densitometria Óssea - UTFPR - PR

Publicado
2016-07-17
Como Citar
Ribeiro, A. F. L., Zonatto, H. A., Oliveira, A. G. de, Ribas, M. R., & Bassan, J. C. (2016). Perfil antropométrico e somatotipológico de praticantes de musculação. RBPFEX - Revista Brasileira De Prescrição E Fisiologia Do Exercício, 10(59), 340-348. Recuperado de http://www.rbpfex.com.br/index.php/rbpfex/article/view/945
Seção
Artigos Científicos - Original