Transição nutricional e obesidade em escolares da Zona Rural no município de Cacoal-RO

Rafael Ayres Romanholo, Deoclésio David Ferreira, Adriano Robson de Lucena, Joeliton Elias Pereira, Jonato Prestes, Fabricio Moraes Almeida

Resumo


No campo da saúde, a noção de modernização na epidemiologia clássica, passou pela tentativa de traçar as etapas o desenvolvimento humano a partir do perfil de morbi-mortalidade de cada sociedade. O presente estudo teve por objetivo analisar a prevalência da obesidade em escolares da Zona Rural com idades de 7 a 12 anos no município de Cacoal, estado de Rondônia. O atual estudo é caracterizado como descritiva de abordagem quali-quantitativa e de caráter epidemiológica. Foram selecionados 237 alunos, representando 10,01% do percentual significativo de alunos com idade entre 07 a 12 anos. Os testes realizados foram: Massa corporal, estatura (IMC) e circunferência abdominal. No presente estudo a prevalência de IMC tanto masculino, quanto evidenciou-se uma prevalência para o nível de classificação normal relacionada aos níveis de obesidade, porém os dados apontam para uma preocupação em relação ao risco de obesidade, pois quando somados os valores de sobrepeso e obeso os números são expressivos, quando comparados com os normais.

 

ABSTRACT 

Nutrition and obesity in transition area school rural Cacoal-RO

In the health field, the concept of modernization in the classic epidemiology, passed by attempting to trace the steps human development from the morbidity and mortality profile of each company. This study aimed to analyze the prevalence of obesity in school children of Rural aged 7 to 12 years in Cacoal, Rondonia state. The present study is characterized as descriptive of qualitative and quantitative approach and epidemiological character. They selected 237 students, representing 10.01% of the significant percentage of students aged 07-12 years. The tests were: body mass, height (BMI) and waist circumference. In this study the prevalence of BMI both male, as showed a prevalence for the normal level of classification related to obesity levels, but data point to a concern about the risk of obesity, because when overweight value added and obese numbers are significant when compared to normal.


Palavras-chave


Transição nutricional; Obesidade; Escolares

Texto completo:

PDF

Referências


-Azevedo, F. R.; Brito, B. C. Influência das variáveis nutricionais e da obesidade sobre a saúde e o metabolismo. Rev. Assoc. Med. Bras. Vol. 58. Núm. 6. 2012

-Barreto, M. L.; Carmo, E. H. Mudanças em padrões de morbimortalidade: conceitos e métodos. In: Monteiro, C. A. Velhos e novos males da saúde no Brasil: a evolução do país e de suas doenças. São Paulo. Hucitec/NUPENS/USP. 1995. p.17-30.

-Berria, J.; e colaboradores. Prevalência de obesidade abdominal e fatores associados em crianças e adolescentes de Cascavel-PR, Brasil. Rev. Educ. Fis/EU. Vol. 24. Núm. 2. p.269-277. 2013.

-Costa, C. D.; Ferreira, M. G.; Amaral, R. Obesidade infantil e juvenil. Acta Med Port. 2010.

-Ehlers, E. Agricultura sustentável: origens e perspectivas de um novo paradigma. 2ª edição. Guaíba. Agropecuária. 1999.

-Ianni, O. Ditadura e agricultura: o desenvolvimento do capitalismo na Amazônia. Rio de Janeiro. Civilização Brasileira. 1979

-Koga, C. R. Estado Nutricional de escolares de 07 a 10 anos de idade: diagnóstico e comparação de métodos. São Paulo. 2005. Disponível em:. Acesso em: 21/08/2015

-Lakatos, E. M.; Marconi, M. A. Fundamentos de Metodologia Cientifica. São Paulo. Atlas. 2010

-Mccarthy, H. D.; Jarret, K. V.; Crawley, H. F. The development of waist circumference percentiles in British Children aged 5.0-16,9y. European Journal of Clinical nutrition. Vol. 55. p.902-907. 2001

-Pereira, A. C.; e colaboradores. Ingestão alimentar e nível de atividade física em escolares de 7 a 10 anos da rede de ensino privado no município de Cacoal-RO. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 2. Núm. 12. p.6. 2008. Disponível em:

-Perestrelo, J. P. P.; Martins, I. S. Modernização rural: transformações econômicas e suas implicações demográficas, epidemiológicas e nutricionais nos municípios de Monteiro Lobato e Santo Antonio do Pinhal. Saúde e Sociedade. Vol. 12. Núm. 2. p.38-55. 2003.

-Pontes, L. M. Análise da qualidade de vida e prevalência de sobrepeso em moradores da zona rural do município de Pombal. Saúde. com. Vol. 1. Núm. 1. 2016.

-Popkins, B. M. Nutrition transition in low income contries: emerging crises. Nutrition Reviews. New York. Vol. 52. p.285-298. 1994.

-Rech, D. C.; Burgos, M. S.; Pollo Renner, J. D. Obesidade e Perfil bioquímico entre escolares de 7 a 17 anos: Estudo Comparativo de dois municípios da região central do RS. Anais do Seminário Científico do Programa de Pós-Graduação em Promoção da Saúde da UNISC. Vol. 1. Núm. 1. 2015.

-Romanholo, R. A. Índice de obesidade e pressão arterial em estudantes de 07 a 12 anos na rede pública e privada do município de Cacoal-RO. 2007. Disponível em: . Acesso em: 20/08/2015

-Romanholo, R. A.; e colaboradores. Índice de pressão arterial e obesidade em escolares de etnias brancas e negras de 7 a 12 anos dos ensinos públicos e privados do município de Cacoal-RO. Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício. Vol. 2. Núm. 10. 2011. Disponível em:

-Silva, M. N. P. "Estatística"; Brasil Escola. Disponível em: . Acesso em: 03/09/2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui