Body Roundness Index: relação com métodos tradicionais de predição de gordura corporal em fisiculturistas

Vinicius Bastos Cutilaki, Márcio Levy, Simone Carla Benincá, Clorine Borba Zanlourensi, Guilherme Barroso Langoni de Freitas, Caryna Eurich Mazur

Resumo


Introdução: Foram recentemente desenvolvidos novos índices e fórmulas para estimar, de maneira fácil e prática, o percentual de gordura. Objetivo: analisar a precisão do body roundness index (BRI) em comparação a métodos tradicionais na relação de percentual de gordura corporal em atletas de fisiculturismo. Método: estudo transversal com 25 atletas do sexo masculino participantes de um campeonato de fisiculturismo. Os dados antropométricos foram coletados, as estimativas de percentual de gordura corporal foram comparadas entre os métodos com inferência estatística. Resultados: Conforme a categorização do BRI, 28% dos atletas se enquadraram na classificação 16 a 19%; 36% foram classificados com 19,1 a 21% e também de 21,1 a 28% de gordura corporal. Houve uma associação de BRI com Índice de massa corporal (IMC) e o tempo de prática de fisiculturismo. Conclusão: O BRI quando comparado aos métodos tradicionais não foi adequado para estimar o percentual de gordura corporal em fisiculturistas.

 

ABSTRACT

Body roundness index: relation with traditional methods of predicting body fat in bodybuilders

Introduction: New indexes and formulas have recently been developed to estimate, in an easy and practical way, the percentage of fat. Objective: To analyze the accuracy of body roundness index (BRI) compared to traditional methods in the ratio of body fat percentage in bodybuilding athletes. Method: a cross-sectional study of 25 male athletes participating in a bodybuilding championship. Anthropometric data were collected, estimates of percent body fat were compared between methods with statistical inference. Results: According to BRI categorization, 28% of the athletes ranked 16 to 19%; 36% were classified with 19.1 to 21% and also of 21.1 to 28% of body fat. There was an association of BRI with Body Mass Index (BMI) and bodybuilding practice time. Conclusion: BRI when compared to traditional methods was not adequate to estimate the percentage of body fat in bodybuilders.


Palavras-chave


Avaliação nutricional; Antropometria; Fisiculturismo

Texto completo:

PDF

Referências


-American College of Sports Medicine - ACSM. Manual do ACSM para avaliação da aptidão física relacionada à saúde. Guanabara Koogan. 2006.

-Bergman, R.N.; Stefanovski, D.; Buchanan, T.A.; Sumner, A.E.; Reynolds, J.C.; Sebring, N.G.; Xiang, A.H.; Watanabe, R.M. A better index of body adiposity. Obesity. Vol. 19. Num. 5. p. 1083-1089. 2011.

-Botelho, F.M. Corpo, risco e consumo: uma etnografia das atletas de fisiculturismo. Revista Habitus. Vol. 7. Num. 1. p. 104-119. 2009.

-Chang, Y.; Guo, X.; Chen, Y.; Guo, L.; Li. Z.; Yu, S.; Yang, H.; Sun, Y. A body shape index and body roundness index: two new body indices to identify diabetes mellitus among rural populations in northeast China. BMC Public Health. Vol. 15. Num. 1. p. 794. 2015.

-Deminice R.; Rosa, T.F. Pregas cutâneas vs impedância bioelétrica na avaliação da composição corporal de atletas: uma revisão crítica. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 11. Num. 3. p. 334-340. 2009.

-Evans, E. M.; Rowe, D. A.; Misic, M. M.; Prior, B.M.; Arngrímsson, S.A. Skinfold prediction equation for athletes developed using a four-component model. Medicine and science in sports and exercise. Vol. 37. Num. 11. p. 2006-2011. 2005.

-Guedes, D.P.; Guedes, J.E.R.P. Manual prático para avaliação em educação física. Manole. 2006.

-Hirschbruch, M.D.; Carvalho J.R.D. Nutrição esportiva: uma visão pratica. 2ª edição. Revisada e ampliada. Manole. 2008.

-Kapit, W. Fisiologia: um livro para colorir. Rio de Janeiro. Roca. 2004.

-Krakauer, N.Y.; Krakauer, J.C. A new body shape index predicts mortality hazard independently of body mass index. PLoS One. Vol. 7. Num. 7. p. 39504. 2012.

-Lohman, T.G. Anthropometric standardization reference manual. Human Kinetics Books. 1988.

-Lugarezze, A.C.; Girasoli, A.L.; Bezerra, C.C.; Farinho, K.R.T.; Hoshina, N.K.; Araújo, P.L.; Nacif, M. Avaliação nutricional de fisiculturistas de academias da cidade de São Paulo. Revista Brasileira de Fisiologia do Exercício. Vol. 8. Num. 1. p. 9-13. 2009. Disponível em: <>

-Maessen, M.F.; Eijsvogels, T.M.; Verheggen, R.J.; Hopman, M.T.; Verbeek, A.L.; De Vegt, F. Entering a new era of body indices: the feasibility of a body shape index and body roundness index to identify cardiovascular health status. PloS one. Vol. 9. Num. 9. p.107212. 2014.

-Peçanha, M.A.C.; Navarro, F.; Maia, T.N. O consumo de suplementos alimentares por atletas de culturismo. RBNE Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 9. Num. 51. p. 215-222. 2015. Disponível em: <>

-Pennings, B.; Boirie, Y.; Senden, J.M.; Gijsen, A.P.; Kuipers, H.; Van Loon, L.J. Whey protein stimulates postprandial muscle protein accretion more effectively than do casein and casein hydrolysate in older men. The American journal of clinical nutrition. Vol. 93. Num. 5. p. 997-1005. 2011.

-Pennington Biomedical Research Center. 2016. Disponível em: . Acesso em 3 de julho de 2016.

-Santos, D.A.; Silva, A.M.; Matias, C.N.; Magalhães, J.P.; Minderico, C.S.; Thomas, D.M.; Sardinha, L.B. Utility of Novel Body Indices in Predicting Fat Mass in Elite Athletes. Nutrition. Vol. 31. Num. 7. p. 948-954. 2015.

-Silva, P.R.P.; Trindade, R.S.; De Rose, E.H. Composição corporal, somatotipo e proporcionalidade de culturistas de elite do Brasil. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 9. Num. 6. p. 403-407. 2003.

-Tang, J. E.; Moore, D. R.; Kujbida, G. W.; Tarnopolsky, M.A.; Phillips, S.M. Ingestion of whey hydrolysate, casein, or soy protein isolate: effects on mixed muscle protein synthesis at rest and following resistance exercise in young men. Journal of Applied Physiology. Vol. 107. Num. 3. p. 987-992. 2009.

-Thomas, D.M.; Bredlau, C.; Bosy-Westphal, A.; Mueller, M.; Shen, W.; Gallagher, D.; Maeda, Y.; McDougall, A.; Peterson, C.M.; Ravussin, E.; Heymsfield, S.B. Relationships between body roundness with body fat and visceral adipose tissue emerging from a new geometrical model. Obesity. Vol. 21. Num. 11. p. 2264-2271. 2013.

-World Health Organization. Physical status: the use and interpretation of anthropometry. Geneve, 1995. 452p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui