Associação da idade e IMC com o desempenho da aptidão funcional de mulheres idosas

José Eduardo Trindade da Silva, Rita de Cássia dos Santos

Resumo


O presente estudo teve por objetivo avaliar a associações entre a idade e IMC com o desempenho de mulheres idosas em testes físicos. A amostra foi constituída por 72 mulheres com idade de 67,2 ± 4,9 anos, estatura 1,54 ± 6,7cm, peso 64,2 ± 10 kg, praticantes de exercícios físicos 3,7 ± 2,3 anos, classificadas de acordo com os pontos de corte da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), sendo: baixo peso (13,88%), eutrofia (43,05%), sobrepeso (15,27%) e obesidade (27,77%). A avaliação do nível funcional das idosas procedeu através dos testes motores do Grupo de Desenvolvimento Latino-Americano para Maturidade (GDLAM). Foram testadas as possíveis associações entre a idade e IMC com o desempenho nos testes, utilizando-se correlação Spearman (r).  As idosas obtiveram classificação ‘’bom’’ a ‘’muito bom’’ nos testes de aptidão funcional e grupo com baixo peso obteve o melhor IG. Os resultados das correlações indicam que a idade e o IMC apresentaram associações com apenas três teste físicos (r = 0,27, p ˂ 0,01 entre Idade e C10M; r = 0,25, p ˂ 0,02 entre IMC e LPS; e r = 0,24, p ˂ 0,03 entre IMC e LPDV). Conclui-se que o uso das variáveis idade e IMC não apresentaram correlações determinantes com o desempenho funcional das idosas, entretanto, estas associações podem ter sido minimizadas pelos anos de prática com os exercícios físicos.

 

ABSTRACT 

Association of age and BMI with the performance of functional fitness of woman elderly

The present study aimed to evaluate the associations between age and BMI with the performance of elderly women in physical tests. The sample consisted of 72 women aged 67.2 ± 4.9 years, height 1.54 ± 6.7 cm, weight 64.2 ± 10 kg, physical exercise practitioners 3.7 ± 2.3 years, classified according to the cut-off points of the Pan American Health Organization (PAHO): low weight (13.88%), eutrophy (43.05%), overweight (15.27%) and obesity (27, 77%). The evaluation of the functional level of the elderly was carried out through the motor tests of the Latin American Development Group for Maturity (GDLAM). The possible associations between age and BMI with performance in the tests were tested using Spearman correlation (r). The elderly had scores "good" for "very good" on functional fitness tests, and the low-weight group got the best GI. The results of the correlations indicate that age and BMI presented associations with only three physical tests (r = 0.27, p ˂ 0.01 between Age and C10M, r = 0.25, p ˂ 0.02 between BMI and LPS; r = 0.24, p ˂ 0.03 between BMI and LPDV). We conclude that the use of the variables age and BMI showed no correlation with determining the functional performance of elderly, However, these associations may have been minimized by years of practice with physical exercises.


Palavras-chave


Idoso; Idade; Aptidão funcional; Massa corporal

Texto completo:

PDF

Referências


-Alexander, N.B.; Ulbrich, J.; Raheja, A.; Channer, D. Rising from the floors in older adults. J Am Ger Soc. Vol. 45. Num. 5. p. 564-569.1997.

-American College of Sports Medicine position stand. Exercise and physical activity for older adults. Med Sci Sports Exerc. Vol. 41. Num. 7. p. 1510-1530. 2009.

-Andreotti, R.A.; Okuma, S.S. Validação de uma bateria de testes de atividades da vida diária para idosos fisicamente independentes. Rev Paul Educ Fís. Vol. 13. Num. 1. p. 46-66. 1999.

-Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 2010. Disponível em:

-Caporicci, S.; Neto, M.F.O. Estudo comparativo de idosos ativos e inativos através da avaliação das atividades da vida diária e medição da qualidade de vida. Motricidade. Vol. 7. Num. 2. p. 15-24. 2011.

-Dantas, E.H.M.; Vale, R.G.S. Protocolo GDLAM de avaliação da autonomia. Fitness & performance journal: Órgão oficial do Colégio Brasileiro de Atividade Física, Saúde e Esporte. Vol. 3. Num. 3. p. 169-180. 2004.

-Eyigor, S.; Karapolat, H.; Durmaz, B. Effects of a group-based exercise program on the physical performance, muscle strength and quality of life in older women. Arch Gerontol Geriatr. Vol. 45. Num. 3. p. 259-271. 2007.

-Falsarella, G.R.; Coimbra, I.B.; Barcelos, C.C.; Iartelli, I.; Montedori, K.T.; Santos, M.N.; Neri, A.L.; Coimbra, A.M. Influence of muscle mass and bone mass on the mobility of elderly women: an observational study. BMC Geriatrics. Vol. 14. Num. 13. p. 1-7. 2014.

-Guralnik, J.M.; Ferrucci, L.; Pieper, C.F.; Leveille, S.G.; Markides, K.S.; Ostir, G.V.; Studenski, S.; Berkman, L.F.; Wallace, R.B. Lower extremity function and subsequent disability consistency across studies, predictive models and value of gait speed alone compared with the short physical performance battery. J of Geront. Vol. 55. Num. 4. p. 221-231. 2000.

-Hardy, R.; Cooper, R.; Sayer, A.A.; Ben-Shlomo, Y.; Cooper, C.; Deary, I.J.; Demakakos, P.; Gallacher, J.; Martin, R.M.; McNeil, G.; Starr, J.M.; Steptoe, A.; Syddall, H.; Kuh, D. Body Mass Index, Muscle Strength and Physical Performance in Older Adults from Eight Cohort Studies: The HALCyon Programme. PLoS One. Vol. 8. Num. 2. p. 1-13. 2013.

-Orsi, J.V.A.; Nahas, F.X.; Gomes, H.C.; Andrade, C.H.V.; Veiga, D.F.; Novo, N.F.; Ferreira, L.M. Impacto da obesidade na capacidade funcional de mulheres. Rev Assoc Med Bras 2008. Vol. 54. Num. 2. p. 106-109. 2008.

-OPAS. Organização Pan-Americana. XXXVI Reunión del Comitê Asesor de Ive stigaciones en Salud – Encuestra Multicêntrica – Salud Beinestar y Envejecimeiento (SABE) en América Latina e el Caribe – Informe preliminar. Disponível em: . Acesso em 13/05/2013.

-Pinheiro, P.A.; Passos, T.D.O.; Coqueiro, R.S.; Fernandes, M. H.; Barbosa, A.R. Desempenho motor de idosos do Nordeste brasileiro: diferenças entre idade e sexo. Rev Esc Enferm USP. Vol. 47. Num. 1. p. 128-136. 2013.

-Rech, C.R.; Cruz, J.L.S.; Araújo, E.D.S.; Kalinowski, F.G.; Dellagrana, R.A. Associação entre aptidão funcional e excesso de peso em mulheres idosas. Motricidade. Vol. 6. Num. 2. p. 47-53. 2010.

-Silva, A.; Almeida, G.J.M.; Cassilhas, R.C.; Cohen, M.; Peccin, M.S.; Tufik, S.; Mello, M.T. Equilíbrio, coordenação e Agilidade de Idosos Submetidos à Prática de Exercícios Físicos Resistidos. Rev Bras Med Esporte. Vol. 1. Num. 2. p. 88-93. 2008.

-Sipilã, S.; Multanen, J.; Kallinen, M.; Era, P.; Suominen, H. Effects of strength and endurance training on isometric muscle strength and walking speed in elderly women. Acta Physiol Scand. Vol. 156. Num. 4. p. 457-464. 1996.

-Siqueira, F.V.; Facchini, L.A.; Silveira, D.S.; Piccini, R.X.; Tomasi, E.; Thumé, E.; Silva, S.M.; Dilélio, A. Prevalence of falls in elderly in Brazil: a countrywide analysis. Cad. Saude Colet. Vol. 27. Num. 9. p. 1819-1826. 2011.

-Souza, K.T.; Mesquista, L.A.S.; Pereira, L.A.; Azeredo, C.M. Baixo peso e dependência funcional em idosos institucionalizados de Uberlândia (MG), Brasil. Ciência & Saúde Coletiva. Vol. 19. Num. 8. p. 3513-3520. 2014.

-WHO. World Health Organization. Obesity: Preventing and managing the global epidemia. Report of a World Health Organization consultation. Geneva: World Health Organization. 2000. p. 256.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui