Prevalência de lesões em praticantes de musculação do município de Fortaleza-CE

  • José Ivandir Nascimento Filho Instituto de Educação Física e Esportes (IEFES), Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza-CE, Brasil.
  • Abraham Lincoln de Paula Rodrigues Laboratório de Biomecânica, Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza-CE, Brasil.
  • Carlos Wellington Queiroz Viana Instituto de Educação Física e Esportes (IEFES), Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza-CE, Brasil.
  • Carlos Alberto da Silva Instituto de Educação Física e Esportes (IEFES), Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza-CE, Brasil.

Resumo

A prática de atividade física tem se destacado em âmbito mundial como um dos principais contributos não farmacológicos relacionados à promoção de saúde e prevenção de doenças crônicas não transmissíveis. Dentre as práticas mais comuns para fim estético e de condicionamento físico está à musculação. Apesar disso, sua prática pode determinar um aumento no risco da ocorrência de lesões. O objetivo deste estudo foi analisar a prevalência de lesões em praticantes de musculação do município de Fortaleza-CE. Foi um estudo do tipo descritivo, de cunho predominantemente quantitativo e transversal. Foram entrevistados 105 sujeitos, matriculados em diferentes academias de musculação localizadas na cidade de Fortaleza, no estado do Ceará. Os voluntários tinham mais de 18 anos completos e no mínimo 6 meses de prática da modalidade. A pesquisa mostrou que 28 indivíduos relataram possuir alguma lesão, esse número é equivalente ao percentual de 26,7% do número total de pesquisados. Os tipos de lesão mais relatados foram as articulares e tendinosas, onde joelhos, ombros e costas (região inferior) foram os mais citados. Em conclusão, salienta-se a importância do acompanhamento profissional durante a realização do treinamento na musculação visando à obtenção dos objetivos individuais do praticante, na medida em que o mesmo tenha uma prática mais segura, minimizando assim o risco da ocorrência de lesões.

Publicado
2020-05-03
Como Citar
Nascimento Filho, J. I., Rodrigues, A. L. de P., Viana, C. W. Q., & da Silva, C. A. (2020). Prevalência de lesões em praticantes de musculação do município de Fortaleza-CE. RBPFEX - Revista Brasileira De Prescrição E Fisiologia Do Exercício, 13(85), 815-821. Recuperado de http://www.rbpfex.com.br/index.php/rbpfex/article/view/1793
Seção
Artigos Científicos - Original