Número de repetições utilizadas no treino de força para o emagrecimento: uma revisão sistemática

José Nunes da Silva Filho, Robson Alex Ferreira

Resumo


Para World Organization Health em 2013, o sobrepeso e a obesidade, são a principal causa de inúmeras doenças sistêmicas, representando o quinto risco de mortes globais matando certa de 2,8 milhões de adultos ao ano. E o treino de força vem sendo propostos como auxílio na prevenção e tratamento da obesidade. Objetivo: do estudo foi verificar evidências sobre uma das variáveis do treinamento (número de repetições) utilizadas nos estudos sobre os efeitos do treino de força voltados para o emagrecimento. Métodos: O estudo é uma revisão sistemática, descrita seguindo as recomendações PRISMA. A busca de dados iniciou com a escolha dos termos chaves e seus sinônimos, seguindo os descritores de saúde no Desc (http://decs.bvs.br) e no Mesh (http://www.ncbi.nlm.nih.gov/mesh/). Após isso, iniciou um filtro nas principais bases de dados nacionais e internacionais: Scielo;, PubMed, e no site de busca Scholar Google, visando resgatar outros possíveis estudos de periódicos não indexadas nas bases citadas. Resultados: Depois de estabelecido os critérios de elegibilidade encontraram-se 17 ensaios clínicos que apresentaram médias e desvio padrão entre (9,59 ± 2,47) a (12,47 ± 2,83) repetições. Conclusão: conclui-se que o número de repetições no treino de força voltado ao emagrecimento deva estar entre (9 a 12 ±2).

 

ABSTRACT

Number of repetitions used in strength training for weight loss: a systematic review

For World Health Organization in 2013, overweight and obesity are the main cause of many systemic diseases, representing the fifth overall risk of death by killing some 2.8 million adults per year. And strength training has been proposed as an aid in the prevention and treatment of obesity. Aim: the study was to evaluate evidence on one of the training variables (number of repetitions) used in studies on the effects of strength training focused on weight loss. Methods: The study is a systematic review, described following the PRISMA recommendations. The search data began with the selection of key terms and their synonyms, following the health descriptors in Desc (http://decs.bvs.br) and Mesh (http://www.ncbi.nlm.nih.gov/mesh/). After that, he began a filter in the main bases of national and international data: Scielo; PubMed, and Google Scholar search site aiming to recover other possible studies of journals not indexed in the databases mentioned. Results: after established eligibility criteria, 17 clinical trials showed that mean and standard deviation of (9.59 ± 2.47) to (12.47 ± 2.83) repetitions. Conclusion: we conclude that the number of repetitions in strength training aimed at weight loss should be between (9 to 12 ± 2).


Palavras-chave


Treinamento Resistido; Perda de Peso; Variáveis do Treinamento; Número de Repetições

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui