Nível de sedentarismo em professores do ensino regular da rede pública do município de Cacoal-RO

Luigi Silva, Fernando Baia, Rafael Ayres Romanholo, Weliton Nunes Soares

Resumo


O estilo de vida sedentário causa perdas na capacidade funcional sendo significativas aos efeitos do envelhecimento. Tornando-se suscetível e sujeito a contrair fatores de risco a sua saúde; patologias que são responsáveis pela maior porcentagem de mortes em todo o mundo, e são gastos milhões com esses tratamentos. O presente estudo tem como objetivo classificar os níveis de sedentarismo dos professores do ensino regular da rede pública do município de Cacoal\RO, tendo sido avaliados 297 professores, sendo eles 239 do gênero feminino e 58 do gênero masculino. Tal pesquisa apontou uma média de idade 38,1 para ambos os gêneros, 38,2 anos para o gênero feminino e de 37,6 anos para o gênero masculino. Em relação ao nível de sedentarismo, foi realizado questionário IPAQ (versão longa) quanto ao nível de sedentarismo de ambos os gêneros, que apontou a média e desvio padrão de 134,2 ± 201,6 para AFG, 97,7 ± 128,9 para AFT, 282,1 ± 267,1 para AFC, 26,5 ± 48,0 para AFMT. Os resultados indicaram que os professores estão sedentários em todos os aspectos pesquisados como; AFG, AFT, AFC, AFMT.

 

ABSTRACT

Level of sedentary lifestyle in school teachers of regular public schools in the municipal of Cacoal - RO

The sedentary lifestyle causes losses in functional capacity and significant effects of aging. Becoming susceptible and subject to contract risk factors to your health; disorders that are responsible for the largest percentage of deaths worldwide and millions are spent with these treatments. This study aims to classify levels of physical inactivity of teachers in regular public schools in the city of Cacoal \ RO, and was assessed 297 teachers, among them 239 females and 58 males. This survey showed an average age of 38.1 for both sexes, 38.2 years for females and 37.6 years for males. Regarding the level of inactivity was held IPAQ (long version) on the level of inactivity of both genders, which showed mean and standard deviation of 134.2 ± 201.6 for AFG, 97.7 ± 128.9 for AFT, 282.1 ± 267.1 to AFC, 26.5 ± 48.0 to AFMT. The results indicated that teachers are sedentary in all respects as surveyed, AFG, AFT, AFC, AFMT.


Palavras-chave


Sedentarismo; Professores; Atividade física; Rede pública

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBPFEX - Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui